Alterações de Movimento e Lesões - Lesões na Perna

 

 

 

 

Este outro estudo prospectivo foi realizados com pessoas que iriam iniciar um programa de treinamento em corrida. Similarmente ao estudo realizado com militares (sobre pisada e Dor Patelofemoral) foi feita a avaliação da pisada dos atletas antes do início do treinamento, através de uma placa de pressão. O objetivo era identificar os fatores predisponentes a lesões de overuse na perna.

 

Participaram do estudo 131 indivíduos, sendo a maior parte mulheres (111 mulheres e 20 homens).

Diferentemente do estudo com os militares mencionado, a análise da pisada foi feita durante a corrida, e não a caminhada.

 

27 indivíduos desenvolveram algum tipo de lesão na perna (22 mulheres e 5 homens). A análise dos dados obtidos antes do treinamento indicou que esses indivíduos apresentavam uma pisada mais lateralizada, compatível com o que chamamos de pisada supinada (embora não se tenha analisado aspectos visuais do movimento, para podermos confirmar, a pisada mais lateralizada é uma pisada que tende a ser supinada). Basicamente, as pessoas que desenvolveram lesão têm menor pronação que aquelas que não desenvolveram. A pronação é uma forma de absorção do impacto pelo pé e tornozelo, não havendo essa absorção, o impacto afeta as regiões mais acima, como a perna. Essa seria a explicação para a maior manifestação de lesões nas pessoas com menor pronação.

 

 

Referências Bibliográficas:

HESAR et al – A prospective study on gait-related intrinsic risk factors for lower leg overuse injuries – Br J Sports Med – vol.43, 2009.

 

 

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

DMCA.com

Todos direitos reservados a OPTIMA FISIOTERAPIA | 2010 Desenvolvido por: Guara